Coworking ou Escritório próprio?

Algumas experiências que vivenciamos e poderá ajudar na sua decisão

Coworking ou Escritório próprio?

Quando iniciamos nossas atividades em meados de 2018, ainda era possível o trabalho remoto, sem grandes reuniões com clientes ou demandas que justificassem a necessidade de um escritório.
Mas logo na sequência, algumas semanas se passaram e estávamos lá com um grande dilema, vamos investir em um escritório físico ou vamos trabalhar em um coworking? 
Já haviam sido realizadas algumas reuniões com clientes em restaurantes, boliches e até uma área de café anexa a um posto de gasolina, lembro que o café deste local era sensacional, e consideramos ali como nosso “coworking” por um bom tempo.
Em uma de nossas reuniões diárias, fizemos um acordo, cada um dos fundadores teriam um dever de casa, fazer um comparativo entre os benefícios e dificuldades de ter um escritório físico ou partir para um coworking.
Passados alguns dias, ali estávamos sentados em uma sala de reunião em um coworking, já que nenhuma decisão estava tomada, e começamos a conversar sobre nossas experiências:

estacionamento

nossas reuniões estavam mais frequentes com nossos clientes, um determinado dia não havia vagas no café do posto para o cliente estacionar… Houston, we have a problem!!! O que fazer? Fomos lá, conversamos com os frentistas que já eram nossos amigos e conseguimos uma vaga para nosso cliente…”benefício 1 de um coworking, de todos que já conhecemos, sempre disponibilizavam estacionamento, na maioria das vezes pagos, e claro, nós que fazíamos os pagamentos para os clientes”

infraestrutura
certo dia, em uma reunião, discutindo sobre um determinado projeto, precisava imprimir algumas folhas, o café não disponibilizava impressora, o boliche menos ainda, restaurante piorou, e aí, o que fazemos agora? Lembramos que um dos coworking alugava apenas salas de reuniões, e por um custo muito acessível e interessante, lembrei também que já havíamos precisado de impressões e fomos atendidos, logo, reservada a sala de reunião nossa reunião fluiu muito bem, saímos com muitas folhas impressas, tomamos vários cafés, água e ainda aproveitamos um ar-condicionado que estava sensacional.

custo
sempre que as reuniões aconteciam, no café, nos restaurantes ou qualquer outro local temporário, a conta ficava sempre algumas dezenas de reais, era café para o cliente, água, um lanche, muitas vezes a internet e ainda para piorar os valores cobrados por cada produto era 2 vezes o que pagamos normalmente, me recordo, que somando os cafés, lanches e outros consumos, chegamos a conclusão que daria para ter pago quase 4 meses de um coworking incluindo uso da sala de reunião, fica a dica, muitas vezes achamos que será apenas um café, mas de café em café gastamos muito mais do que uma locação de um espaço em algum coworking.

Esses são apenas alguns pontos que evidenciam o quanto um coworking pode ser uma excelente opção dependendo da fase do seu negócio, porém, quando tiver a necessidade de trazer a equipe para trabalhar junta em projetos onde o remoto não seja mais possível, talvez seja a hora de pensar em ter um espaço próprio, segundo nossas experiências, quando precisamos reunir 6 pessoas para trabalhar fisicamente, o coworking já passou a não atender mais nossas necessidades, muitas vezes precisávamos fazer 3, 4 ou até 5 reuniões durante o dia, e lá estavam as salas ocupadas.
Desta forma, com mais e mais empresas adotando políticas de trabalho remoto e com o crescimento das startups, espaços de coworking têm multiplicado como coelhos. E a cada ano o crescimento tem aumentado grandemente.

Para finalizar, se você está começando, e ainda consegue conciliar o trabalho remoto com reuniões em espaços compartilhados, faça isso, você terá grandes oportunidades de networking, conforto, boa localização e grande interação social, agora, se você precisa se reunir em vários momentos durante o dia, sua equipe precisa trabalhar junta fisicamente, talvez seja a hora de pensar em ter seu próprio espaço.

CEO MoobLab

outros assuntos que podem ser do seu interesse:

se você pretende empreender, durma e acorde pensando nesta palavra
https://mooblab.com/resiliencia/

Startupando…Qual modelo tributário adotar?
https://mooblab.com/startupando-qual-modelo-tributario-adotar/

Branding, será que preciso?
https://mooblab.com/branding-preciso-mesmo-dele/

WRITE A COMMENT

× Como podemos ajudar?